DENÚNCIA ANÔNIMA DA POPULAÇÃO LEVA A APREENSÃO DE DROGAS E PRISÃO E APREENSÃO DE TRAFICANTES NO BAIRRO PARACATUZINHO

DENÚNCIA ANÔNIMA DA POPULAÇÃO LEVA A APREENSÃO DE DROGAS E PRISÃO E APREENSÃO DE TRAFICANTES NO BAIRRO PARACATUZINHO





No dia 22 de dezembro de 2017, por volta de 01h21min, após várias denúncias anônimas sobre intenso tráfico de drogas e presença de vários usuários, os policiais militares deslocaram até a RUA TREZE DE MAIO, no BAIRRO PARACATUZINHO, onde após algum tempo de monitoramento da residência alvo da denúncia, os policiais chamaram na porta.

Naquele instante, uma menor infratora de 13 anos de idade, que estava no interior da residência, gritou para as outras pessoas que estavam em seu interior: “corre que é a polícia!”. Nesse momento, um policial da equipe visualizou um menor infrator do sexo masculino, de 15 anos de idade, pulando o muro dos fundos da residência, tentando evadir do local. Nesse momento foi procedida a abordagem à residência, sendo que ali em seu interior estava o suspeito V. O. M, 19 anos, a menor infratora de 13 anos que gritou que a Polícia havia chegado, a autora L. F. D. Q, 20 anos e outro menor infrator de 15 anos de idade, todos sem ocupação profissional.




No momento em que os policiais faziam a abordagem à residência alvo da denúncia, outro militar saiu no encalço do adolescente que havia pulado o muro no momento em que as viaturas chegaram naquele local. O menor infrator pulou vários muros, passando por várias residências vizinhas à casa alvo da denúncia, tentando de desvencilhar da abordagem policial.

Após a persistência do policial militar que o perseguia, ele foi alcançado quatro quadras abaixo, já na Rua Adrilhes Ulhoa, sendo dominado e submetido a uma busca pessoal e encontrado dentro de sua cueca 7 (sete) porções de uma substância esverdeada semelhante à MACONHA, pesando no total aproximadamente 21,5 gramas.

No bolso lateral direito da bermuda que ele usava, foram encontrados R$ 2,00 (dois reais) em dinheiro. No interior da residência foi procedida uma vistoria e no quarto do autor V. O. M, foram localizados 05 (cinco) porções de uma substância esverdeada semelhante à MACONHA, pesando aproximadamente no total 12,3 gramas, muito parecidas com o mesmo invólucro e droga encontrada com o menor infrator que evadiu pulando os muros.




Além das buchas de maconha que estavam no interior do quarto, foi localizada a quantia de R$ 470,00 (quatrocentos e setenta reais) em notas diversas. No quarto da autora L. F. D. Q, foi localizada a quantia de R$ 32,00 (trinta e dois reais) em notas diversas.

Na referida casa alvo da denúncia, só havia três colchões no chão, não havendo mais móveis ou utensílios que indicassem que ali era um local de moradia continuada de pessoas de bem, mas sim, um local bastante utilizado para o tráfico e consumo de drogas.

Durante o desenrolar da ocorrência, o autor V. O. M e a autora L. F. D. Q, a todo o momento, tentavam induzir o menor infrator que evadiu pulando os muros, para que ele assumisse ser o traficante e proprietário da droga e materiais apreendidos. Ainda em continuidade, os policiais deslocaram até a casa do menor infrator que estava no interior da residência abordada e com o consentimento de sua mãe, foi procedida uma verificação, sendo encontrada uma porção de uma substância esverdeada semelhante à MACONHA, pesando aproximadamente 3,4 gramas, também com o invólucro semelhante ao das demais drogas apreendidas.




Durante as buscas no interior da residência alvo da denúncia, os policiais encontraram ainda 05 (cinco) celulares de procedência duvidosa, sendo 04 (quatro) da marca Samsung e um Iphone 5S plus. Diante de todos estes acontecimentos, V. O. M e L. F. D. Q foram presos, os menores infratores, as drogas localizadas, celulares e o dinheiro, apreendidos. Os genitores dos menores apreendidos, os acompanharam durante a ocorrência e condução para a Delegacia.
Mais uma vez enfatizamos o apoio da população paracatuense através das denúncias anônimas, que contribuíram para o sucesso destas ocorrências.

Fonte: Assessoria de comunicação do 45º BPM/Paracatu



Comentários no Facebook